terça-feira, 18 de setembro de 2018

2018 IJF World Championship





O Campeonato do Mundo de Judo realiza-se este ano em Baku, capital do Azerbaijão. A cidade acolhe a competição mais importante do circuito mundial da modalidade, de 20 a 27 de setembro.

A capital azeri vai receber cerca de 800 Atletas (491 Masculinos e 309 Femininas) em representação de 129 Países. Estes números expressam bem a magnitude da competição e a forte concorrência que cada judoca tem de enfrentar para alcançar a tão desejada medalha de campeã/campeão do mundo.

Portugal está presente neste Campeonato do Mundo com 15 Judocas: Catarina Costa (-48 kg), Joana Diogo (-48 kg), Joana Ramos (-52 kg), Mariana Esteves (-52 kg), Telma Monteiro (-57 kg), Yahima Ramirez (-78 kg), Patricia Sampaio (-78 kg), Gonçalo Mansinho (-60 kg), João Crisóstomo (-66 kg), Jorge Fernandes (-73 kg), Nuno Saraiva (-73 kg), Anri Egutidze (-81 kg), João Martinho (-90 kg), Tiago Rodrigues (-90 kg) e Jorge Fonseca (-100 kg). Os Atletas são acompanhados pelos Treinadores Ana Hormigo e Go Tsunoda, pela Fisioterapeuta Rita Fernandes e por Jorge Fernandes (Presidente FPJ) e José Robalo (Diretor da Formação).O primeiro dia de competição cumpre-se esta quinta-feira, dia 20 de setembro, com as categorias -48kg (Feminina) e -60kg (Masculina). Catarina Costa (-48 kg), Joana Diogo (-48 kg) e Gonçalo Mansinho (-60 kg) são os primeiros representantes lusos a entrar nos tatamis azeris. Os combates arrancam às 10h00 locais (-3h00 em Portugal Continental).

Nova Viatura da Escola de Judo Ana Hormigo

A Escola de Judo Ana Hormigo adquiriu no passado dia 17 de setembro 2018 a nova viatura que há muito desejava.
A aquisição só foi possível com o apoio incondicional da Associação de Pais da Escola de Judo Ana Hormigo que ao longo do últimos anos tem promovido e desenvolvido ações da modalidade e outras atividades de lazer sempre com o principal intuito da compra de uma carrinha de 9 lugares.
A presidente da Escola, Ana Hormigo, agradeceu a todos os pais e encarregados de educação o apoio estratégico e incondicional aos atletas e à Escola.

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Nacional na Regata de Portugal

O que é Nacional é bom.
por isso a Nacional está  na primeira edição da Regata de Portugal!

Com o Mar como tema principal, de 3 a 7 de outubro no Terminal de Cruzeiros de Lisboa decorre o evento que pretende celebrar Portugal e os Portugueses.

Com entrada livre, a Regata de Portugal oferece 14 horas de festa por dia – das 10h00 às 00h00 – e uma programação diversificada que, para além da Vela, conta ainda com iniciativas ligadas à gastronomia, à música, à arte e à sustentabilidade.

A Nacional é uma das oito marcas portuguesas que se juntam a esta grande festa da portugalidade, contando com uma equipa de velejadores experientes a manobrar o barco Nacional, tendo ainda um espaço na zona do evento com atividades para o público e ativação de marca.

Com a arte bem presente, a Nacional conta ainda com o estilo inconfundível do artista RAM que renovou um contentor marítimo, transformando-o numa peça de arte urbana. Este contentor estará numa zona de Lisboa até o final do mês, sendo depois um ponto de encontro Nacional no Terminal de Cruzeiros de Lisboa. Miguel Caeiro, mais conhecido por RAM, começou o seu trabalho nas ruas, sendo um percursor do graffiti e da arte urbana de cariz experimental. O artista tem trilhado um caminho diferenciador, com uma linguagem própria no mundo da nova estética urbana. Explosões de cor e formas dinâmicas é apenas um pouco do que vai ser possível ver e sentir no contentor da Nacional, numa imagem que, em breve, será descoberta pelos próprios portugueses.
Para o Diretor de Marketing da Cerealis, João Paulo Rocha, “A Nacional não poderia deixar de estar presente num evento em que a Portugalidade é a palavra de ordem. Assim como o Mar está no ADN dos portugueses, acreditamos que também a Nacional faz parte da história de todos nós. Mais uma vez, juntamo-nos ao desporto, à gastronomia, à arte, à música e à sustentabilidade para fazer história, levando o nome do nosso país a bom porto”.

De 3 a 7 de outubro, para além do veleiro no mar, a Nacional estará também presente no Terminal de Cruzeiros de Lisboa com a arte do artista RAM e um espaço com atividades para o público e ativação de marca.

sábado, 15 de setembro de 2018

Regata Canárias-Madeira reforça cooperação estratégica do Atlântico


DR / CNF

O Iate ‘Lola III’, de Rafael Lasso, subiu ao mais alto lugar do pódio da XX Regata Internacional Canarias-Madeira, para receber o troféu de vencedor na classe ORC 1 e na classificado geral, bem como o emblemático Troféu Alivar Jones Cardoso - em tempo real. Os troféus foram entregues pelo Presidente do Governo Regional da Madeira - Miguel Albuquerque e pelo neto do antigo presidente do CNF - Lourenço Cardoso. O pódio da classificação geral foi ocupado pelos Iates ‘Fontmar’ e ‘The Boss I’ que receberam os troféus de segundo e terceiro lugar, respetivamente. ‘Cash a Lot’ foi a melhor embarcação madeirense ficando em quarto lugar na geral.

Foi uma cerimónia onde a Vela foi rainha na medida em que realização desta conceituada regata de Cruzeiros, realizada desde 1978, tem permitido consolidar a "relação de cooperação estratégica que é fundamental para o Atlântico" tal como referiu o Presidente do Governo Regional. O mesmo sentimento foi partilhado nas palavras de ambos os presidentes dos clubes organizadores, José Jaubert do Real Clube Náutico de La Palma e de António Fontes do Clube Naval do Funchal.

António Jorge Cunha, diretor técnico da prova, foi homenageado pela dedicação à organização desta regata. O Presidente da Assembleia Legislativa da Madeira - José Lino Gomes também foi agraciado com um troféu referenciando a importância da Cultura Náutica da Região. A grande noite fe celebração náutica, prolongou-se com um jantar para cerca de duas centenas de convidados e com a White Ocean Party que encerrou em grande mais uma edição da Regata Internacional Canarias Madeira. A próxima edição será em 2020.
Fonte: AnaLima Comunicação